Segunda vai dar o que falar

Terminou pouco depois das 20h (hora de Brasília) desta sexta-feira, 30, o quarto dia de julgamento do médico Conrad Murray, acusado do homicídio culposo – quando não há intenção de matar – de Michael Jackson. A última testemunha ouvida foi a médica Richelle Cooper, que chefiava a equipe que atendeu Michael Jackson no hospital para o qual o cantor foi levado pelos paramédicos que o atenderam em sua casa.

Segundo Richelle, Michael chegou sem vida ao local. Ela contou que conversou com Murray e que ele afirmou que Michael não tinha nenhum problema de saúde, apenas estava desidratado e muito cansado. Conrad Murray também afirmou que o astro do pop só havia tomado Lorazepan, um remédio para dormir. Ao insistir com a pergunta, o médico pessoal do cantor acrescentou que ele tomava Flomax, um remédio para o aumento da próstata, e Valium, um tranquilizante. Não mencionou o analgésico Propofol, cuja overdose causou a morte do artista.

Os paramédicos

Antes de Richelle depuseram Martin Blount e Richard Sennef, os paramédicos que atenderam ao chamado de emergência vindo da mansão de Michael Jackson, em 25 de junho de 2009.

Blount afirmou que assim que conseguiram colocar Michael Jackson na ambulância ele percebeu que Murray colocou frascos de Lidocaína (substância utilizada para tratar arritmias cardíacas e dor local) dentro de uma bolsa.

De acordo com Blount, o médico pessoal do cantor teria dito que Michael havia desmaiado “um minuto antes da chegada” dos paramédicos.
Sennef, o primeiro paramédico a ser ouvido nesta sexta, afirmou que, se Murray tivesse ligado para o 911 (número da emergência nos Estados Unidos) assim que Michael passou mal, o cantor poderia ter sido salvo.

Além dos paramédicos também depuseram nesta sexta mais duas testemunhas: Robert William Johnson, um especialista em equipamento médico, e Robert Russell, um ex-paciente de Murray. O julgamento de Conrad Murray será retomado nessa segunda-feira, 3, em um tribunal em Los Angeles.

Fonte

Filhos de MJ têm evitado acompanhar julgamento de Conrad Murray, diz site
A mãe do cantor e avó das crianças está aliviada pela falta de curiosidade.
Segundo o site TMZ, Prince, Paris e Blanket Jackson, filhos de Michael Jackson, se impuseram uma autocensura com relação ao julgamento de Conrad Murray, que começou na última terça-feira, 27, em Los Angeles. O médico está sendo acusado do homicídio culposo – quando não há intenção de matar – do cantor.

De acordo com uma fonte do site, o julgamento é muito doloroso para as crianças e as faz reviver a morte do pai, principalmente para Prince e Paris que viram toda a movimentação na casa da família em 25 de junho de 2009.

Mãe de Michael e avó das crianças, Katherine Jackson estaria aliviada pelo fato de as crianças não terem curiosidade de acompanhar o julgamento, ainda mais depois de o promotor do caso, David Walgren, ter mostrado no tribunal uma foto de MJ morto. Katherine ficou chocada com a imagem do filho.

Fonte

About: Julgamento de Conrad Murray

1° Tópico: O julgamento de Conrad Murray, médico acusado de homicídio culposo na morte de Michael Jackson, continuará amanhã. Ao encerrar o primeiro dia de audiência, o juiz Michael E. Pastor pediu que os jurados não visitem locais que possam … Continuar lendo

Meus amigos, preparem-se! A cobra vai fumar!

Um vídeo divulgado recentemente por uma jornalista de Los Angeles e
confirmado como autêntico pela polícia local pode trazer à tona mais uma
polêmica envolvendo o rei do pop Michael Jackson, mesmo após a sua
morte.

A gravação mostra o exato momento em que a ambulância com o artista
entra no hospital e um homem que supostamente seria Michael sai da parte
traseira andando, aparentando boa saúde.
O responsável pela assessoria de imprensa do FBI deve fazer uma
declaração ainda nesta noite para apresentar os laudos da investigação
feita pela instituição. A notícia se espalhou rapidamente pela internet e
vem causando alvoroço entre os fãs devido a possibilidade de farsa na
morte de Jackson.

Fonte: Info Extra

 

Bom, a declaração não aconteceu ainda mas vai entrar para o julgamento.

Pensem: Se a polícia diz que é verdadeiro, e FBI instaurou inquérito. Quer dizer que deu merda!

Simples, acho que alguém deu suborninho aí (n), o negócio não saiu ainda. Tá tudo muito quieto ultimamente. #FACT

Acho que eles estão esperando o momento certo pra soltar a bomba, porqu eessa vai ser cruel!

Imaginem só, apresentarem para o mundo inteiro: Este é Michael Jackson, muito bem de saúde dando saltinhos para fora da ambulância, não estava em coma, não estava chapadão. Para onde ele foi?

Sumiu?

Desapareceu?

Que confusão que vai dar hein?

O UCLA dizendo: Ele chegou morto.

O Murray dizendo: Ele estava apenas desacordado.

O FBI dizendo: Ele estava vivo, andando e ainda passando a perna em todo mundo.

Preparem-se.

O chão vai estremecer nos próximos dias!

 

Deville Madoux.

Behind The Mask, Osama and Julgamentos.

Oi gente!

Primeiro assunto: Se vocês quiserem informação INTEGRAL sobre Michael Jackson, visite o nosso blog parceiro, o BEHIND THE MASK. (foi este blog que descobriu o MJ no casamento real!)

Segundo assunto: Osama, você morreu! -n

Gente falando sério, quem acha que o Osama morreu é muito BURRO é mais do que óbvio. ¬¬

Pra quem ama o Bin Laden, e está triste porque ele “morreu”, não se preocupe, ele OS AMA. #fail

Terceiro assunto: O JULGAMENTO FOI ADIADO DENOVO!

Mas que raiva mortal!

Passando só pra não deixar o povo no vácuo, Deville.

Conrad Murray e o coração “partido”

ATENÇÃO BELIEVES, ESTE POST É DE EXTREMA IMPORTÂNCIA PARA OS RUMOS DA HISTÓRIA, POR MAIOR QUE SEJA, LEIAM!!!!

 

“O berro de choque, os vivas, os gritos de todos os lados de “ELE ESTÁ VIVO!”foram imediatamente sufocados. A multidão se amedrontou, e o silêncio caiu brusca e completamente (…)” – Harry Potter e as Relíquias da Morte – capítulo trinta e seis “A falha no plano” – página 573

Obs.: ainda não consegui confirmar nenhuma fonte, isso aconteceu há algum tempo!

Eu estava na casa da Ally, e tal… Meu papis foi me buscar de carro. E quando estávamos chegando, ele olhou bem sério pra mim: “’Deville’. Hoje deu uma notícia no noticiário.” (coloquei Deville entre aspas porque é óbvio que ele não me chamou de Deville u.u) Bom, nessa parte eu já tava bem apavorada. Ele estacionou o carro e me olhou. “Em 2006-2007, o Murray furou o coração de um cara.” O_O’ #comofas! “E ele era proibido de exercer a medicina.”

VAMOS PENSAR AGORA OK?

VOCÊS TÊM A MÍNIMA NOÇÃO DO QUE ISSO QUER DIZER?

OMG! WTF! WTH! HS! and FUCKYEAH!

“Seu nome real é Robert Earl Carter, e ele é casado com Blanche Yvette Bonnick Murray. De acordo com registros de DMV Robert Earl Carter e sua esposa vivem em 2579 Red Springs Drive em Las vegas, agora este não é o endereço que a polícia “procurou” como a sua casa, mas é deles ambas  as propriedades.” 

Conrad Murray é o pseudônimo usado por Robert Earl Carter, que sequer nem é médico, quanto mais cardiologista. Conrad Murray não existe. Sua esposa sim é cardiologista e médica da família, mas os dados oficiais não referem isto, tampouco é referido que à alguém a utilizar o pseudônimo. Conrad Murray fez várias aquisições imobiliárias, inclusive de um circo chamado Susan Rush e… surpresa das surpresas – do Neverland Ranch também! (outrora, a casa de Michael Jackson).”

“Robert Earl Carter passou a utilizar o nome de Conrad Murray a partir de Fevereiro de 2009, para quem não sabe, este foi o mês em que Jackson regressou aos Estados Unidos da América, para preparar a turnê, e o mês em que o suposto médico passou a acompanhar a saúde do cantor.”

A clínica médica Armstrong que ele trabalha, com certeza é de propriedade do Dr. Davil Armstrong, e sua licença médica foi suspensa em 2006, mas ele é dono do prédio em 6826 West Montgomery Road Houston Texas 77091. Não existe pacientes lá faz muito tempo, e seu telefone é 713-692-1000.”

 

 

Lembram disto? Eu lembro! 😀

Vamos “dissecar” esse fragmento.

 

A clínica médica Armstrong que ele trabalha, com certeza, é de propriedade do Dr. Davil Armstrong, e sua licença médica foi suspensa em 2006

Claro, agora tudo se encaixa, a licença médica foi suspensa porque ele furou o coração de um cara, como “Robert Earl Carter”, não como “Conrad Murray”. Assim, a clínica foi fechada e eles não tinham mais clientes. Isso aconteceu em 2006. Mas vocês sabem que o MJ já conhecia o “Murray” (ou Carter?). Há algum tempo antes. Remember? 2004.

 

“Os dois se conheceram em 2006 quando o Dr. Murray se mudou para Las Vegas com seus três filhos. Logo após Prince teria ficado doente, e um dos guarda-costas do cantor recomendou que Murray tratasse de Prince, e foi aqui que começou a amizade deles.”

Em 2006? Em 2006 ele já tinha feito a cagada no2

Em 2006 ele já tinha perdido o direito de exercer a medicina. Por isso ele não consta nas listas como médico. E também é por isso que ele mudou de nome. Mas se MJ já o conhecia como Robert, porque ele trocou o nome para Conrad? Simples. 😀 já explico.
Fotos de Murray com Michael em 2004

Vejam que essas imagens são de um julgamento em 2004. O que o Murray está fazendo aí. Podemos ver que um julgamento porque a Khate está de azul. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK again ¬¬

O QUE O MURRAY TÁ FAZENDO ALI? (uma das 263 coisas que me pergunto todo o dia. (263 coisas que pergunto todo dia será o próximo post õ/))

Realmente gente, o que ele ta fazendo ali?

Estão ali: Randy, Tito, Jermaine, MJ, Khate, Janet, dois seguranças e o MURRAY (CARTER).

Bom, isso prova que ele já conhecia o MJ de antes de ser proibido de ser médico.

E Jesse Jackson está de prova. Como? Como ele está de prova que esse julgamento aconteceu em 2004?

Página 155 do livro “Michael Jackson – 50 anos do ícone pop” de Jonathan Crociatti.

Há uma sessão de entrevistas, onde tem uma em que o reverendo Jesse Jackson (que NÃO é parente do MJ), em seu programa de rádio, fez uma entrevista com MJ no dia 27 DE MARÇO DE 2005. Te lembra alguma coisa? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Pois então. Julgamento do Murray não irá acontecer nesse dias..? Pode ser uma coincidência.

 

Jesse: Eu estava em Londres, algumas semanas atrás, quando, no dia 24 de JUNHO, Michael Jackson, em pleno julgamento, foi ao hospital. Você disse que tinha se ferido. O que aconteceu naquele dia?

(Michael responde. Mas isso não importa)

 

Era dia 27 de março de 2005 se aconteceu dia 24 de junho, quer dizer que foi em 2004, porque aquele julgamento é aquele que ele sai. Lembram? Continuando.

 

“Um dos seguranças recomendou que Murray tratasse de Prince.”

O Prince tem problemas no coração? Ele não deveria ser tratado por um pediatra? Mais um furo. Prince não ficou doente porcaria nenhuma! Em 2006, como diz o artigo do TMZ Murray não era mais médico (ou pelo menos não poderia ser) então, pela lei, não poderia tratar nem dele mesmo. A jogada é que eles precisavam de uma desculpa para dizer que MJ já conhecia Murray. E usaram o Prince. Só que eles não sabiam que nós iríamos descobrir que o nome dele não é esse. Aliás, nessa época ele ainda era “Robert Earl Carter”. Vem cá… Fazer essas coisas não é falsidade ideológica? Ou ele pensou que ninguém iria desconfiar. Por acaso ele não conhece a imprensa? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Então vamos fazer uma linha do tempo OK? No final deste post, certo?

Enquanto isso vamos continuar.

 

“Conrad Murray fez várias aquisições imobiliárias, inclusive de um circo chamado Susan Rush e… surpresa das surpresas – do Neverland Ranch também! (outrora, a casa de Michael Jackson).”

 

Jesus! Como alguém compra algo com identidade falsa? Mas vamos pensar… ele não podia exercer medicina. Certamente estava pobre de marré. A clínica dele tava às moscas (aliás acho que nem moscas iam lá), daí do nada ele sai comprando casa, circo, Neverland… Isso não ta cheirando mal para vocês?

Óh, para mim também.

 

Simples. Michael Jackson e Robert Earl Carter eram grandes amigos. (a conversa a seguir é totalmente fictícia, não aconteceu. Talvez não com essas palavras kk Isso aconteceu em Janeiro-Fevereiro de 2009)

Quando Michael o chamou para ter uma conversa.

Michael: Robert, preciso de um favor seu. E posso pagar por isso. É crucial para mim esse favor.

Murray: Claro Michael, mas do que se trata?

Michael: Preciso que você seja meu médico em This Is It. Preciso que vá comigo para Londres. Estive muito tempo distante dos EUA. Vim para cá porque precisava de um favor seu.

Murray: Mas Michael, eu não posso ser seu médico, eu não posso mais ser médico. Quando for para emigração, eles perguntarão quem sou eu. Terei que dizer que sou seu médico para ganhar o visto. Eles checarão meu nome. Descobrirão que não posso ser médico. Nunca vão me deixar entrar na Inglaterra.

Michael: Mas Robert, você não vai chegar nem perto da Inglaterra. A turnê não vai acontecer.

Murray: Como Michael? Você assinou os papéis. Já ouvi falar, lhe fizeram engolir 50 shows.

Michael: Sim, e é por isso que eu preciso de você. Robert, eu não posso fazer esses shows. Vão me matar. Eu sei disso. Minha vida e meu catálogo estão em perigo.

Murray: Michael, eu não posso fazer isso! Meu nome está “sujo”.

Michael: Não pode? Você se esqueceu de quem eu sou? É tão simples Robert! Trocamos seu nome! Usamos pseudônimo. Você começa a usar desde já. Até eles descobrirem já terei feito o que deve ser feito.

Murray: Mas eu posso ser preso! Isso é falsidade ideológica!

Michael: Existe um risco de você ser preso sim… Mas eu vou lhe dar muito dinheiro Robert! Eu sei que você está precisando, e… A cadeia… Você tem faculdade, vai ficar em uma prisão melhor se for preso. Mas se eles não descobrirem que você foi proibido não vai acontecer nada.

Murray: Mas o que eu tenho que fazer?

Michael: Me matar.

Murray: Michael! Ficou louco!

Michael: Você não vai me matar de verdade, Robert! Nós vamos fingir. Não posso fazer essa turnê com tantos shows. Vamos dizer que eu morri por overdose de remédios. Eu, com o tempo, eu digo à minha família que é para eles falarem ao seu favor, dizerem que você não tem culpa. Fingimos que eu morri. Eu ensaio para a turnê e tudo. Mas antes de começar eu “morro”. Eu lhe pago. Dou-lhe uma parte de Neverland. Pense: Quando você vender essa parte. Tudo será muito mais valorizado. Tudo que for de uma celebridade morta vale mil vezes mais. Foi assim com James Brown. Eu passo tudo para você como se tivesse comprado. Assim ninguém desconfiará.

 

Hm. Isso é fictício hein gente!

Vamos valorizar alguns pontos importantes. Com o dinheiro que Michael teria dado à Murray, Ele comprou vários imóveis, Neverland (que eu acho que Michael “deu” à ele) e o Circo Susan Rush. Que por “acaso” é da irmã dele. ¬¬

 

“Lembre-se que quando MJ morreu a polícia não conseguia encontrar Murray, eles foram para casa de Susan Rush encontrá-lo
ou questioná-la sobre o local onde ele estava.”

 

Será que a maninha, assim como o irmão estava falida? Então Conrad fez um favorzinho e comprou o circo dela.

Lembram-se de que logo depois de 25/06/2009 disseram que Michael tinha vendido partes de Neverland para seus próprios “agentes” talvez ele tenha cedido para pagar alguns favores.

Robert Earl Carter virou Conrad Murray em fevereiro de 2009 quando assinou pela primeira vez um documento com esse nome.

 

“Robert Earl Carter passou a utilizar o nome de Conrad Murray a partir de Fevereiro de 2009, para quem não sabe, este foi o mês em que Jackson regressou aos Estados Unidos da América, para preparar a turnê, e o mês em que o suposto médico passou a acompanhar a saúde do cantor.“

 

Ohoo… Acho que encontramos algo!

Acho que o meu diálogo de novela mexicana tem algumas coisas certas.

Supondo que o diálogo de Michael e Murray ocorreu em Janeiro de 2009. Sabe uma coisinha que nos deixou grilados há algum tempo atrás?

O tablóide que disse que MJ morreria em SEIS MESES.

Cara será que vazou já naquela época? KKKKKKKKKKK

Deveriam tomar mais cuidados com essas coisas u.u

 

Michael não tinha médico pessoal quando morava em Neverland. Não tinha quando morava no Bahrein. Nem quando estava na Irlanda. Daí quando se muda para os EUA fica tão frágil e doente… (óh, são os maus ares americanos  .-.) Michael precisava de um médico maluco, que trocou de nome e comprou seu rancho. Hm.

TENSO.

 

Michael passou a viver com Murray em sua mansão, nas vizinhanças de Holmby Hills. Porque ele morava com o médico contratado para ser o médico de turnê?

No dia 24 de junho Michael chegou a casa, cansado do ensaio e pensando: “Hoje foi o último dia com aquelas câmeras maravilhosas. Amanhã estará tudo acabado.”

No dia seguinte, ele “morreu.” Hmmmm.

Sempre achei isso tão “perfeito.” O contrato de aluguel do Staples Center acabava dia 7 de julho de 2009. Como eu sei disso? SIMPLES! Pensem! No dia do velório ainda havia o palco de TII. Se o contrato tivesse acabado o palco não estaria mais lá. E quem iria se apresentar lá dia 8? O CIRCO DO P.T. BARNUM! Gente, ta mais do que óbvio isso né! Daí toda a enrolação com o corpo… Todas aquelas pessoas sendo pagas pra dizer que era o MJ. O delegado responsável pelo caso sendo demitido… A enfermeira dizendo que ninguém sabia do MJ no UCLA. Enquanto a TMZ já sabia de tudo… O Murray sendo confundido com outro Murray, que também deve ter sido pago. O Murray fugindo. Pagando de bode expiatório. Eles enrolando com a autópsia. As autópsias diferentes… E finalmente o enterro! Nem no Nepal as pessoas demoram tanto tempo para serem enterradas… Peloamor!

 Daí aparece mais um filho pro Mike, e a única coisa que a criança pede encarecidamente, é um exame de DNA. E o espólio diz: NÃO. Também, iriam exumar o corpo… e quem eles iriam encontrar lá? Euhein. E tenho um palpite sobre a Khate e sua roupa azul. Tipo, a primeira vez que ela usou foi naquelas fotos ali onde está o MURRAY. Não seria um sinal de “vejam onde tudo começou” (?).

Não sei. Hm.

Ainda preciso refletir (sim, eu não canso de fazer isso :D)

Deville.

[UG] RETROSPECTIVA MICHAEL JACKSON 2010 [PARTE 2]

SONY – MAKE.BELIEVE


É óbvio que todo mundo viu a propaganda da Sony, em que diz “Make.Believe”. E todos nós pensamos ATÉ AGORA. Que Make Believe queria dizer “Fazer Acreditar”. Esqueçam isso. Porque Make.Believe ser “Fazer Acreditar” é uma grande “trastada”, como diz minha avó. Vejam a foto que eu tirei do meu dicionário Webster’s:

Não cortei a imagem para não dizerem que eu forjei.

Viram! Michael Jackson está enganando, Sony está enganando! Entenderam? É uma mensagem subliminar, já que Make-believe é uma “gíria” americana. Sacam? Pessoas dos EUA podem ter entendido, mas nós brasileiros não! É um trocadilho!

JERMAINE DEIXA “ESCAPAR” EM ENTREVISTA, “AIRPORT” EM VEZ DE “HOSPITAL”

Espero que, a essa altura do campeonato, que todos nós já saibamos da história do fechamento do aeroporto no dia em que Michael “morreu” infelizmente o vídeo onde aparece isto foi retirado do YouTube D: mas, para lembrar…

“… antes dele chegar ao AEROPORTO.” diz Jermaine, logo após ele se corrige ”Antes de chegar ao hospital…”

Impossível confundir airport com hospital. Me desculpe, sei que vocês vão falar, mas é impossível.

MICHAEL JACKSON É HOMENAGEADO PELA UNIDOS DA TIJUCA

Desvendar esse mistério
É caso sério, quem se arrisca a procurar
O desconhecido, no tempo perdido
Aquele pergaminho milenar
São cinzas na poeira da memória
E brincam com a imaginação
Unidos da Tijuca, não é segredo eu amar você
Decifrar, isso eu não sei dizer
São coisas do meu coração

Eu quero ver esse lugar
Que o próprio tempo acabou de esquecer
Meu Deus, por onde vou procurar
Será que alguém pode me responder

Quem some na multidão
Esconde a sua verdade
Imaginação, o herói jamais revela a identidade
Será o mascarado
Nesse bailado um folião?

A senha, o segredo da vida
A chave perdida é o “X” da questão
Cuidado, o que se vê pode não ser… Será?
Ao entender é melhor revelar
No sonho do meu carnaval
Pare pra pensar, vai se transformar
Ou esconder até o final?

É segredo, não conto a ninguém
Sou Tijuca, vou além
O seu olhar, vou iludir
A tentação é descobrir

É óóbvio que não foi feito para o Mike, ou algo do tipo…  Mas, o samba enredo fala dos vários “carros” da escola de samba… Por exemplo: O desconhecido, no tempo perdido/ Aquele pergaminho milenar. É o carro Egípcio. Já, agora o que nós devemos tomar por conta a parte de Michael Jackson? Lembrando que existiam DOIS carros, sobre Michael Jackson. Já explico.

O primeiro, era antecedido por uma ala de ET’s. Sim, ET’s!!! Logo depois existia uma faixa amarela e preta, como aquelas da polícia. E dizia: “Não ultrapasse, área 51 (restrita)” E o carro era cheio de ET’s, e um sósia saia de dentro de uma nave espacial que mais parecia um caixão prateado.

No segundo carro, que na verdade era um “apêndice” do primeiro dizia: “Michael vive em todas as estrelas. Deus te abençoe”

Vejam que como por trás, o carro parece uma lápide!

Agora me diz como se faz pra Deus abençoar um morto? ¬¬’ e sacaram mais um lance? “Michael vive em todas as estrelas”… O carro era cheio de ETS, de onde vem os ETS? Do cosmo, o que tem no cosmo? ESTRELAS! Isso é MUITO tenso.

Bom, é claro que a Tijuca não sabe de nada, quero dizer, não Michael Jackson tenha falado para ela, mas saca só: Se eu, você, e mais da metade do mundo sabe… A Tijuca também sabe. Mas não se esqueçam… É SEGREDO! rs

FAUSTÃO DIZ AO VIVO QUE MICHAEL JACKSON ESTÁ VIVO

No dia 16 de Janeiro de 2010 Faustão do nada, solta: Assim como Elvis, está todo mundo achando que o cara está vivo e escondido em algum lugar”

Sem comentários, por favor!

SEGUNDO MURRAY, MICHAEL JACKSON TERIA CHEGADO VIVO AO UCLA MEDICAL CENTER

“Fontes dizem ao TMZ que Conrad Murray insiste em dizer que ele foi capaz de reiniciar o coração de Jackson na casa do cantor, antes que os paramédicos chegassem e mantessem a atividade cardíaca na ambulância.

Avaliação do Dr. Murray contradiz os paramédicos na cena em que Jackson era levado ao necrotério, não da UCLA, porque acreditavam que ele estava morto.

Também contradiz o advogado Joe Jackson, Brian Oxman, que disse a TMZ que ele acredita que Jackson estava morto antes mesmo de os paramédicos chegarem a casa. Oxman, disse que o pulso fraco detectado na UCLA foi em reação aos esforços de reanimação.

Nós estamos dizendo, que o processo criminal está se configurando como uma guerra jurídica entre os médicos especialistas, que vai interpretar os exames médicos e gráficos de várias formas – sempre confuso para um júri”.

Hellow!!!  “Nós estamos dizendo, que o processo criminal está se configurando como uma guerra jurídica entre os médicos especialistas, que vai interpretar os exames médicos e gráficos de várias formas – sempre confuso para um júri”.

Que tenso gente! Uma guerra? Isso quer dizer que ninguém concorda com ninguém, ninguém entende comofas… aff.

Diga-me agora, como ele pode ter chegado vivo, se ele teve a parada cardíaca ás 09:30 (segundo LaToya) quem tem parada cardíaca MORRE. Só pode ser reanimado pouquíssimo tempo depois. E, levando em conta que o Murray chamou o UCLA às 12:51, então Mike já tinha entrado até em estado de decomposição. rs

MICHAEL JACKSON FOI REANIMADO 1 HORA DEPOIS DE MORRER

SÃO PAULO – Mais um documento surge para inflamar as investigações sobre a morte de Michael Jackson. De acordo com os papéis, publicados pelo jornal “News of the World”, o Rei do Pop foi reanimado uma hora depois de sofrer parada cardíaca.

“Michael Jackson foi reanimado por dez minutos, uma hora depois de ter sofrido a parada cardíaca”, afirma o documento. Além disso, os papéis apresentam o mandato de busca feito na casa do cantor e revelam que grandes quantidades de anestesia geral, 11 vidros de propofol, alguns vazios, e 39 de tubos de cremes de clareamento da pele foram encontrados depois da morte de Jackson.

Michael Amir Williams, o assistente pessoal do astro, disse à polícia que escutou o médico Conrad Murray, acusado pela morte de Jackson, dizer ainda no hospital que precisava voltar para a casa do cantor e pegar alguns medicamentos que havia deixado lá.

“Esta prova é condenável. Eles deveriam prendê-lo e jogar fora a chave. “É revoltante o que aconteceu aqui”, revelou Joe Jackson, pai do cantor, à publicação.”

Como assim? Quer dizer então que LaToya está certa, ele morreu às 09:30hs. Depois de UMA HORA, ou seja 10:30 o Murray tenta reanimar ele, e só depois às 12:15hs ele liga para o UCLA! O que o Murray andou fazendo todo esse tempo que não tratou de ligar para o UCLA? Vamos fazer as contas:

Às 09:30: Michael Jackson tem parada cardíaca e morre.

Às 10:30: Dr. Conrad Murray tenta reanimar Michael Jackson, e de fato consegue por 10 minutos. (Um parêntese aqui, como assim, ele CONSEGUE? UMA HORA DEPOIS! Me desculpem mas ninguém aqui vê CSI? Acho que todo mundo sabe que apenas podemos reanimar 7 minutos depois. (no máximo 10). Fui pesquisar, vejam: “A reação das pessoas que presenciam um fato como esse, em geral, é de perplexidade. Algumas saem correndo e gritando sem saber como socorrer o doente; outras tentam colocá-lo num automóvel para buscar socorro num hospital, entre todas, a pior medida que poderiam tomar porque, segundo os médicos especialistas, elas estarão provavelmente transportando um cadáver, pois em 5 minutos, 50% dos indivíduos com parada cardíaca morrem. A partir daí, 10% morrem a cada minuto que passa, portanto, em 10 minutos, estarão todos mortos.” Sacaram? É impossível! Cintificamente impossível. “Isso no ecsite!”) Então, o que o Murray estava fazendo? Ligando pra namorada dentro do banheiro e escondendo os remédios 0o WTH!

http://www.drauziovarella.com.br/ExibirConteudo/2717/reanimacao-cardiaca

às 12:51: O UCLA é chamado Para a casa de Michael.

Agora uma coisa muuito esquisita, que veio do relatório OFICIAL:

Às 11:51: A ambulância chega a casa de MJ, e começa o socorro.

ÃÃÃÃÃÃÃÃÃ? Comofas! A ambulância chegou antes de ser chamada! Os caras são videntes! Um erro GROTESCO desses não pode passar sem que se perceba. Que coisa não? E aliás, quem eles estavam socorrendo se Michael estava morto faziam DUAS HORAS? 0o

JOE JACKSON PROCESSA CONRAD MURRAY

“TMZ confiscou que Joe Jackson vai enviar Dr. Conrad Murray ao seu advogado na próxima semana, em um anúncio de que ele terá uma ação judicial contra o documento pela morte do Michael Jackson.

De acordo com a lei da Califórnia, o autor de uma negligência médica, definido com o termo de morte causada por um “erro” deve dar 90 dias de aviso antes de levar o caso ao tribunal.

Brian Oxman, advogado de Joe Jackson, disse para a  TMZ que o processo vai pedir indenização punitiva, apoio econômico, a perda do companheiro e da perda de consórcio privação (de parentesco).  Ele irá pagar uma quantia indeterminada de dinheiro aos danos.

Oxman diz que o caso será levado ao Tribunal Superior do condado de Los Angeles.  Até agora, apenas Joe assinou, mas Oxman diz que ele vai adicionar qualquer membro da família que quer estar como requerente.

UPDATE: Ed. Chernoff, advogado Dr. Murray reagiu ao processo de Oxman, dizendo: “Isso é como jogar um balde de água sobre um homem que se afoga no oceano.” Tradução – uma boa sorte como sinônimo de “nada”

Então quer dizer, que o Murray vai ter que PAGAR (literalmente)  pelo o que fez? Aff. Mais ambicioso do que Joe não existe! Venhamos e convenhamos, isso é R-I-D-Í-C-U-L-O!!! Simplesmente ridículo. Sem comentários, please.

MICHAEL CONHECIA MURRAY DESDE 2004

“Os dois se conheceram em 2006 quando o Dr. Murray se mudou para Las Vegas com seus três filhos. Logo após Prince teria ficado doente, e um dos guarda-costas do cantor recomendou que Murray tratasse de Prince, e foi aqui que começou a amizade deles.

O médico logo começou a tratar do próprio Michael Jackson, que gostou do trabalho do médico e deu sua saúde nas mãos de Murray.

Eles eram amigos íntimos pessoais.“Michael Jackson realmente tratou-o como um membro da família “.

Conforme o tempo passava, MJ confiava mais e mais em  Conrad Murray.  Então, como foi amplamente noticiado, Murray foi contratado como um médico a tempo integral para tratar do cantor na turnê This is it. (…)”

Hm… não sabia que o Murray era pediatra… Ou então Prince tem problemas de coração… aff. Que gente louca! E eles não disseram que o Murray conheceu Michael pouco tempo antes de começar a trabalhar para ele? Hm. Isso ta me cheirando a caca! E não foi o próprio Murray que disse aos seus clientes “Estou fechando o consultório por algum tempo (ele desmarcou tudo) Fechei um GRANDE NEGÓCIO” que “negócio” vocês acham que ele ta falando? Não é óóóbvio?

Bom, isso foi em 2006. O que me leva a afirmar que ele conhecia o Murray desde 2004? Uma imagem 😀 (Imagens da Mulheres luxo)

Pago 1 real pra quem descobrir onde está o Murray! -q

Viram? Agora, uma coisa é certa, Michael conhecia Murray há algum tempo bastante relevante. Daí, do NADA o Murray vai ao julgamento dele. Prestem a atenção! Para ir ao julgamento ele tinha que ser uma pessoa ÍNTIMA do MJ. O que só aumenta as chances do Conrad ter sido pago para isso 😉


[UG] RETROSPECTIVA MICHAEL JACKSON 2010 [PARTE 1]

Olá gente! Voltei!

Bom, demorei tanto pra voltar porque queria postar algo especial e não sabia o que! Até que eu e Ally tivemos uma ideia. Uma retrospectiva dos fatos relacionados ao MJ, porque para entendermos 2011 precisaremos entender com clareza 2010. Não pensem que isso vai ser uma retrospectiva fato por fato e em ordem! Vou pegar os acontecimentos por rdem de importância, ou em ordem em que eu for me lembrando.. Certo!? Vamos começar!

MENSAGEM SUBLIMINAR NA MÚSICA THIS IS IT

http://www.youtube.com/watch?v=BkLHISONF94

Uma das coisas mais óbvias que eu já vi na vida “Who’s alive girl, It’s certain I AM”. Lembram-se? Que tal um vídeo para refrescar a memória? Já perceberam quantas vezes ele fala believe e que essa palavra é a que mais se destaca entre todo resto? (O “Miss me? Possibly?” me mata rs) e que mesmo a música estando invertida ele diz This Is It. E no final. Como se falasse, falasse, falasse e no fim dissesse um “Isso é tudo”. Tenso. Quem não escuta isso é surdo. Totalmente.

MICHAEL TERIA COMPRADO CAIXÃO DE OURO EM 2002

“The Sun relata Michael Jackson gastou $ 34.000 em um caixão revestido de ouro.  Jacko escolheu o desenho ornamentado partir de um catálogo, após visitar uma funerária em Las Vegas. Ele então perguntou os funcionários chocados, se seria possível levar o caixão para Neverland na Califórnia, e muitos especulam que foi comprado para seu próprio funeral”

Bom, quer dizer então, quem em um belo dia de sol, na cidade do pecado, deu a louca no Michael, e ele resolveu ir a uma funerária ecolher um caixão, sendo que ele tinha na época 47 anos! ‘-‘ Na época nós não entendemos o fato. Mas agora acho que entendo. É muito simples. Em 2001 ele lançou Invincible, que foi boicotado pelo Tommy Mottola. Levando em conta a teoria de que Tommy é que é a pessoa que mataria Michael pelo catálogo, então Michael já estaria se preparando para “morrer”. Se tudo começou nesta época, então pra mim o resultado é praticamente óbvio.

“FALHAS” DA FAMÍLIA E AMIGOS

  • · “Ele está apreciando tudo que você está fazendo” LaToya Jackson

(aos paparazzi dentro do carro)

Aff essa é tosca.

  • “Timor Steffens (dançarino de MJ) diz: Ele é muito humorístico. Ele ama rir e curtir a vida.

Jornalista: – Por que você fala no presente?

Timor: – O que você quer dizer?

Jornalista: – Você não fala no passado, como se ele não estivesse morrido.

Timor: Mas ele não morreu… Não para mim.

Aff. Porque todos falam do Mike no PRESENTE?

  • · Ele ainda está morto?” Larry King

zahiuzaiuhzuiahzuiahzi. Não. Ele ressuscitou ontem Larry. Oras se isso é coisa que se pergunte!

  • · Benjamin (amigo do Michael, paparazzo que tirou a foto da ambulância) diz: “Outra pessoa morreu no dia 24…”

Ah, claro, fui eu quem morri. Mas foi hoje, com essa daí!

  • · Kenny Ortega na Oprah diz: “Michael está muito vivo para mim, obrigado Deus”

Pra nós também Kenny!

  • · Arnold Klein diz: “Eu estava muito perto dele, mas não porque ele é Michael Jackson, mas porque é provavelmente o ator mais talentoso.”

Hm, nós sabemos, por isso que estamos aqui ‘-‘

  • · Kenny Ortega no velório diz: “Sete dias atrás eu estava com Michael…”

Sete dias atrás ele estava morto. ‘-‘

  • · Kenny Ortega diz: “Todos os dias Michael me ajudava a editar o filme…”

Sempre achei que eram apenas ensaios  .-.

  • Larry King: Como você ficou sabendo da morte do seu filho?

Joe: Alguns fãs me ligaram e me falaram

Larry King: seu coração como pai está decepcionado?

Joe: decepcionado com o que?

Larry: onde está o corpo do Michael?

Joe: Eu não sei.

Larry: mas você é o pai.

Joe: vai perguntar para quem sabe, eu não quero falar sobre isso.

Larry: O que você diz sobre o resultado da  autópsia? E a demora? E sobre o uso abusivo de remédios?

Joe: Eu não sei, eu estou esperando.

Larry: mas você é o pai.

Joe: mas eu não sei de nada!

Larry: você realmente acredita que as drogas acabaram com a vida do seu filho?

Joe: alguma coisa aconteceu por trás disso tudo, mas não foram as drogas que mataram ele.

Larry: O que você quer dizer com “alguma coisa aconteceu por trás disso tudo?”

Joe: Estou querendo dizer que isso foi um “jogo da galinha”, é isso que estou querendo dizer.

Larry: o que você quer dizer com jogo da galinha? Eu não estou entendendo

Joe: Ohhh é…você sabe, eu te disse…hmmm.

Entenderam o lance da galinha? É a galinha dos ovos de ouro. Lembram da historinha? Havia uma galinha que colocava ovos de ouro, e enchia seu dono de dinheiro (a galinha é o MJ). Só que um belo dia o dono quis matar a galinha (o dono é o Tommy Mottola). Só que dentro da galinha não havia nehuma riqueza. RS.

Sacaram? O negócio é o seguinte, ele achou que se matasse o Mike ficaria rico por causa do catálogo, maas… Mike fugiu, e com o catálogo.

MJHD É CRIADO EM 23 DE JUNHO DE 2009

Vejam, o site foi criado em 23/06/2010!

Isso pode querer dizer que o próprio Michael criou o site. oO

BROOKE SHIELDS DECLARA QUE MENSAGENS LIDAS NO VELÓRIO ESTAVAM PRONTAS

http://www.accesshollywood.com/brooke-shields-breaks-her-silence-on-emotional-michael-jackson-memorial-speech_article_27586

Hm, como alguém se emociona com a algo que não escreveu?

CONRAD MURRAY É DONO DE CIRCO

“Seu nome real é Robert Earl Carter, e ele é casado com Blanche Yvette Bonnick Murray. De acordo com registros de DMV Robert Earl Carter e sua esposa vivem em 2579 Red Springs Drive em Las vegas, agora este não é o endereço que a polícia “procurou” como a sua casa, mas é deles ambas  as propriedades.”

“Conrad Murray é o pseudOnimo usado por Robert Earl Carter, que sequer nem é médico, quanto mais cardiologista. Conrad Murray não existe. Sua esposa sim é cardiologista e médica da família, mas os dados oficiais não referem isto, tampouco é referido que alguém a utilizar o pseudónimo Conrad Murray fez várias aquisições imobiliárias, inclusive de um circo chamado Susan Rush e… surpresa das surpresas – do Neverland Ranch também! (outrora, a casa de Michael Jackson).”

“Agora Dra. Blanche Yvette Bonnick Murray tem prática em 2110 uma unidade de flamingo no leste 301, agora este endereço é muito importante porque isto lista sobre as buscas de cardiovascular global associados, e ela está na lista como médica”

Robert Earl Carter passou a utilizar o nome de Conrad Murray a partir de Fevereiro de 2009, para quem não sabe, este foi o mês em que Jackson regressou aos Estados Unidos da América, para preparar a turnê, e o mês em que o suposto médico passou a acompanhar a saúde do cantor.

E depois ele comprou uma propriedade com o nome de Conrad Murray.

Agora, quando você coloca Conrad Murray no Google você se depara com 3121 Maryland Pkwy sul, não flamingo 2110 leste, que é o que está no mandado. Se você coloca no Google Conrad Murray Houston Texas você recebe esse mesmo endereço de 3121 sul Maryland Pkwy, mas isto é listado  Texas em Houston.

A clínica médica Armstrong que ele trabalha com certeza é de propriedade do Dr. Armstrong davil e sua licença médica foi suspença em 2006, mas ele é dono do prédio em 6826 West Montgomery Road Houston Texas 77091. Não existe pacientes lá faz muito tempo, e seu telefone é 713-692-1000.

Murray também tem 1 filha adulta chamado Monique Lee Carter e Blanche tem 1 filha adulta chamada Maureen Ray Rose. Murray não tem nenhum outro filho de acordo com Peoplefinders.com e ambos os adultos vivem com eles naquele endereço.

Pois bem como o endereço da Susan é 10629 Sandpiper Dr Texas # 14 Houston 77096 me deparei que este endereço é propriedade de Robert Earl Carter.Bom, no meu pensamento aquele que é dono do circo. O circo que Susan Rush (executa) é de Magnolia Texas. Assim, o carro que pertencia a “Susan” pode ser o carro de “trabalho” de Murray. O Google diz que o nome Robert Earl possui 2 circos próprios, isso só nos leva a pensar que esse cara trabalho com coisas de circos, e ligadas a mágica.

Logo Susan Rush é artista de circo, e é proprietária de um circo chamado “Susan RushLembre-se que quando MJ morreu, a polícia não conseguia encontrar Murray,   então eles foram para casa de Susan Rush encontrá-lo
ou questioná-la sobre o local onde ele estava. Bem eles foram então para a casa de Robert Ear.  Foi tudo encenado a partir da GetGo, eu estou pensando aqui que este Dr. Blanche Murray é o verdadeiro Dr. Murray, e que a sua não é “Conrad Murray, que é cardiologista, no entanto, faz sentido eu acho que talvez está Dra. Blanche Murray é que pode  ter tratado dos filhos de Michael em Las Vegas , considerando que a mulher é médica da família. Ela sim poderia  ser o verdadeiro médico que poderia ter saido em turnê com Michael.

Sem comentários né? Pelo amor de Deus! O Conrad Murray é dono de circo? Isso serve para vocês refletirem! Se ele é dono de circo, então muitas coisas se explicam. #REFLITAM

INVESTIGAÇÕES SOBRE A MORTE DE MICHAEL JACKSON CHEGAM AO FIM

TMZ: O inquérito realizado pela policia de LA sobre a morte de Michael Jackson, foi concluída e o processo irá para o DA nas próximas semanas, segundo as fontes policiais falaram para TMZ que está tudo certo, mas certamente Murray será incriminado e acusado  pela morte de Michael.

Nossas fontes dizem que os detetives concluíram a investigação no mês passado e o caso será formalmente apresentado ao Distrito de Los Angels logo que for possível. A apresentação vai chamar bastante  multidão. Um número de membros da polícia de Los Angeles e no escritório do DA  irão estar presente, e encontrar uma data em que todos possam mostrar é um pouco complicado, mas nós podemos dizer que vai acontecer em questão de semanas.

Uma fonte bem informada diz que a investigação da polícia de LA  foi  “extremamente exaustivo” e os DD tem provas suficientes para puxar o gatilho de um processo criminal contra o Dr. Murray. Dito isto, temos notícia de que o caso é complicado, em parte porque o Dr. Murray não quebrou nenhuma lei na administração de propofol para Jackson.

Uma fonte da aplicação da lei relacionados com o caso, observa o promotor tem vindo a trabalhar ativamente com a polícia de Los Angeles e está tudo certo, mas o caso será arquivado. Quanto ao cargo – uma decisão que não foi feito, mas as nossas fontes dizem que a probabilidade é homicídio involuntário, o que exige uma demonstração de negligência grosseira.

No comments.